.
ALGARVE ÚLTIMAS

Monchique teme impactos da exploração de feldspato

.

O Governo já autorizou a exploração de feldspato em Monchique, depois da publicação do anúncio em Diário da República, uma decisão que está a deixar preocupados os moradores e autarcas locais.

A data do aviso é de 23 de fevereiro de 2017 e atribui à empresa Felmica direitos de prospeção e pesquisa de feldspato, na área denominada Corte Grande, em Monchique. A consulta pública termina no próximo sábado, dia 25 de março.

Perante este facto consumado, os deputados do PSD, Cristóvão Norte e José Carlos Barros, questionaram o ministro do Ambiente sobre esta matéria, lembrando que esta atividade “pode acarretar significativos impactos ambientais em áreas compreendidas em Reserva Ecológica Nacional”.

Já a Câmara de Monchique, cujo presidente é Rui André (PSD), já manifestou a sua “inequívoca a total desaprovação da prospeção e pesquisa de depósitos minerais de feldspato no concelho”, solicitando o indeferimento de todos os pedidos na serra de Monchique…

(NOTÍCIA COMPLETA NA ÚLTIMA EDIÇÃO DO JORNAL DO ALGARVE – DIA 23 DE MARÇO)

Nuno Couto | Jornal do Algarve

PUB
Tamanho da Fonte
Contraste