400 mil cigarros apreendidos em ferry boat espanhol

A Direção Geral das Alfândegas e dos Impostos Especiais sobre o Consumo (DGAIEC) apreendeu no domingo 400 mil cigarros que se encontravam no interior do ferry boat espanhol “Volcan de Tijarafe”, informou aquela autoridade.

Em comunicado de imprensa, a DGAIEC informa que a delegação aduaneira de Portimão apreendeu uma “elevada quantidade de cigarros – 400 mil – numa ação de controlo efetuado no domingo, no porto de Portimão”.

O tabaco estava numa viatura transportada no ferry boat espanhol “Volcan de Tijarafe” e encontrava-se dissimulado entre sofás e máquinas de lavar roupa numa viatura.

Os cigarros apreendidos são das marcas Ducatos, Pallmal e Marshall e eram transportados na embarcação que opera a linha regular entre Portimão, Funchal, Tenerife e Las Palmas (Espanha).

No momento da apreensão pela Alfândega, o responsável e condutor da viatura era um cidadão de nacionalidade colombiana, com autorização de residência espanhola.

O indivíduo ficou detido para se apresentar aos serviços do Ministério Público de Portimão.

Em junho passado, mais de dois milhões de cigarros das marcas Fortuna, Nobel, Pall Mall e Chestersfield, num valor equivalente a 339 mil euros, foram apreendidos na Via do Infante, perto de Olhão, durante uma operação de fiscalização de mercadoria, disse hoje fonte oficial.

Na operação, a GNR, além de apreender o tabaco e três carrinhas, deteve três indivíduos pelo crime de contrabando de circulação, cuja moldura penal prevê uma pena de prisão até três anos.

JA/AL

Advertisements
Tamanho da Fonte
Contraste