CULTURA ÚLTIMAS

“A Floresta” da Península Ibérica em destaque em Portimão

.

A zona ribeirinha de Portimão foi palco, na passada quinta-feira, da inauguração da exposição “A Floresta”, uma iniciativa da Fundação “la Caixa” e do BPI, em colaboração com a Câmara de Portimão.

Trata-se da primeira exposição itinerante da Fundação “la Caixa” em Portugal. Esta mesma exposição, adaptada agora à realidade de Portugal, teve mais de um milhão de visitantes nas várias cidades de Espanha onde esteve presente.

A Fundação “la Caixa”, a primeira em Espanha e uma das mais relevantes a nível internacional, iniciou este ano a implementação da sua ação em Portugal.

A exposição mostra que a floresta não é apenas um conjunto de árvores, mas sim “um complexo ecossistema onde habitam e se relacionam um grande número e variedade de seres vivos”.

“Além de dar abrigo a toda esta biodiversidade, as florestas desempenham uma série de funções ambientais fundamentais para que a vida no planeta seja tal como a conhecemos”, referem os promotores.

A exposição divide-se em duas partes: a primeira centra-se na organização hierárquica dos diferentes níveis de vida, enquanto a segunda parte é dedicada às árvores, as “grandes protagonistas” das florestas.

Atualmente, a Península Ibérica tem 21,6 milhões de hectares de floresta, o que corresponde a 36% da sua superfície total, pouco menos de 60 milhões de hectares. Esta exposição apresenta 18 das espécies mais representativas de toda a Península Ibérica, entre as quais figura a Azinheira do Porto das Covas, em Loulé.

JA

Advertisements
Tamanho da Fonte
Contraste
%d bloggers like this: