ATUALIDADE ECONOMIA PAÍS

Ações da PT valem pouco mais que um café

[mobileonly] [/mobileonly]
.
.

A Portugal Telecom afundou esta manhã mais de 10% em Bolsa para um novo mínimo histórico, penalizada pelas buscas policiais relativas a suspeitas de burla qualificada e a incertezas sobre a Assembleia Geral de dia 12 de janeiro.

As ações da PT seguiam a cair 6,9% para 0,755 euros às 9h04 depois de terem descido para um novo mínimo histórico de 0,728 euros. A empresa vale agora em Bolsa 730 milhões de euros.

Esta terça-feira a empresa foi alvo de buscas policiais no âmbito de uma investigação sobre suspeitas de burla qualificada em redor do financiamento da Rioforte, holding do Grupo Espírito Santo.

A PT SGPS tem uma AG marcada para 12 de janeiro para os acionistas decidirem sobre a venda dos ativos da empresa em Portugal à Altice. Esta venda já foi alvo de um acordo entre os franceses e a brasileira Oi, que detém a PT Portugal, dona do Meo.

O “Diário Económico” avança hoje que a AG pode vir a ser adiada, dado que os acionistas poderão não ter acesso em tempo útil ao resultado de uma auditoria encomendada pela PT SGPS à PricewaterhouCoopers, para verificar as relações entre a PT e o GES.

Ontem, João Pena, ex-presidente-executivo da Rioforte, disse na comissão parlamentar de inquérito ao caso BES, que o investimento de quase 900 milhões de euros da PT em dívida da holding foi feito de forma consciente. E negou que a Rioforte tivesse ocultado informação à PT.

RE

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
Tamanho da Fonte
Contraste
%d bloggers like this: