Albufeira: Grande exposição celebra ligações afetivas a África

Os espaços culturais do concelho de Albufeira acolhem nos próximos dias exposições das mais variadas manifestações artísticas. O destaque vai a galeria de arte Pintor Samora Barros, situada no Largo Engº Duarte Pacheco, que exibe, até 30 de julho, a mostra coletiva de pintura, fotografia e escultura “A Arte de Moçambicanos”.

Trata-se de uma grande exposição que celebra a ligação dos autores a África, em especial a Moçambique e a vários aspetos da sua cultura.

Em exposição estão “África Minha e Outras Saudades da Alma” (pintura) de Laura Pinto Coelho, “África em Movimento” (pintura) de São Passos, “Moçambique e o Grande Marcelo” (fotografia) de Marques Valentim, “Memórias de Cor” (pintura) de Luíz Filipe Pessoa e Costa, e “D’ Art 19” (escultura) de Viriato Silveira. Para ver de segunda a sábado, das 17h00 às 23h00.

Até 3 de agosto, também está patente na galeria municipal João Bailote a exposição de pintura “Momentos”, de Rosa Barriga e Manuela Batalha. As pintoras, uma algarvia e outra alentejana, inspiram-se nos cenários e gentes de cada região para darem vida às suas telas. A galeria está aberta ao público de terça a sábado, das 9h30 às 12h30 e das 13h30 às 17h30.

Já em agosto, o Museu Municipal de Arqueologia de Albufeira vai acolher a exposição “28 de fevereiro de 1969, Memórias do Sismo”. A mostra tem como principal objetivo ajudar a preservar a memória coletiva do sucedido nessa data e resulta de uma organização do CERU (Centro Europeu de Riscos Urbanos) e da SPES (Sociedade Portuguesa de Engenharia Sísmica), com o apoio da Câmara Municipal de Albufeira. A inauguração está agendada para o dia 1 de agosto, pelas 17h00, e contará com a presença de convidados, que irão apresentar relatos de memórias sobre aquele sismo. Para ver até 17 de agosto, de terça a domingo, das 9h30 às 17h30.

pub

 

 

 

pub

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
Tamanho da Fonte
Contraste