Alcoutim: Aprovada candidatura para desenvolver recursos endógenos

O Município de Alcoutim viu aprovada, no passado dia 7 de outubro, uma candidatura ao Plano de Ação de Desenvolvimento de Recursos Endógenos (PADRE) para criação de um pavilhão no Parque Industrial de Alcoutim.
O pavilhão será executado no lote 25, da zona industrial de Alcoutim, localizada no sitio da Bacelar, no Cruzamento (EN 124, EN122, EN 122.1), e tem enquadramento no Programa Operacional CRESC Algarve 2020, eixo prioritário 5 – investir no emprego, objetivo temático 8 – promover a sustentabilidade e a qualidade do emprego e apoiar a mobilidade laboral, prioridade de investimento – 8.9. – A conceção de apoio ao crescimento propício ao emprego, através do desenvolvimento do potencial endógeno como parte integrante de uma estratégia territorial para zonas especificas, incluindo a conservação de regiões industriais em declínio e o desenvolvimento de determinados recursos naturais e culturais e da sua acessibilidade.
A candidatura visa a construção de um edifício onde se possa instalar uma empresa ou um empreendedor local, que permita a criação de empregos ou do auto emprego, o aparecimento de novos produtos subjacentes aos recursos endógenos, bem como a melhoria de alguns já existentes, como forma de dinamizar a economia local, incutir dinâmica mercantil e empresarial no território, em complemento com a iniciativa pública, dinamizada pelo município de Alcoutim.
A operação, que se prevê estar concluída até 31 de dezembro de 2020, tem um investimento elegível de 232.204,90 euros, ao qual foi atribuída uma comparticipação comunitária (FEDER) de 130.410,00 euros.

Adiconar comentário

Carregue aqui para comentar

Comentar

>
Tamanho da Fonte
Contraste