Alcoutim ficou mais doce e animada com a Feira de Doces d’Avó

Doces d/Avo Alcoutim

A feira algarvia mais doce do ano, uma tradição das festividades da Páscoa que já vai na XIV edição, decorreu em Alcoutim de 19 a 20 de abril. A feira realizou-se no cais da Vila, onde estiveram expostos os doces tradicionais da região como os folares, bolos de alfarroba, de amêndoa, tartes diversas, filhós, costas doces, suspiros, dom rodrigo; compotas (figo, tomate, abóbora entre outras); pão; mel; chás (tomilho, freixo, erva-ursa) e licores (medronho, poejo e alfarroba).
Para além da doçaria existiram ainda atividades para as crianças como a pintura de ovos de Páscoa, a confeção de folares, uma casinha para brincar e um coelho gigante de páscoa que animava miúdos e graúdos. Os visitantes tiveram ainda a possibilidade de disfrutar de espetáculos variados como a atuação de Sérgio Conceição, animações de rua com Mimo’s Dixie Band e com o grupo de Blain “Te Ori Tahiti”.
Osvaldo Gonçalves, presidente da Câmara Municipal de Alcoutim explicou ao Jornal do Algarve que esta iniciativa da Feira dos Doces d’Avó baseia-se “na preocupação com a promoção do território e na interligação das sinergias que possam existir sobretudo na parte da doçaria, associando a uma época onde se procura estes produtos para acompanhar as festas da Páscoa. Aproveitando de igual modo o facto de terem muitos visitantes e, essencialmente, a afluência dos vizinhos espanhóis”. O edil relembrou que esta feira acontece algumas semanas depois do Festival do Contrabando e que muitos dos expositores estiveram também presentes naquele certame. Osvaldo Gonçalves sente-se satisfeito porque esta feira atrai muitos visitantes, afirma que “as pessoas já têm o hábito de vir a Alcoutim neste fim de semana da Páscoa”.
O Jornal do Algarve esteve à conversa com alguns expositores como a senhora Maria Almerinda Pereira, a qual declarou “que está nesta feira desde a sua primeira edição”, e considera uma boa aposta para o seu negócio de venda de doces tradicionais algarvios, pois vendeu praticamente todos os bolos que levou para a feira. Esta expositora vendia folares, bolo de amêndoa e gila, filhós com mel, tarte de limão merengada, bolo de ananás, salame de chocolate, bolo de alfarroba, costas doces, tarte de amêndoa, entre outros.
Falámos igualmente com o senhor Rafael Fernandes que vende chás naturais típicos da região. alguns são produzidos na sua horta (como a erva-cidreira, chá príncipe, hortelã-pimenta e sabugueiro,) enquanto que as restantes plantas são recolhidas na serra algarvia.
Uma delícia de feira para os mais gulosos, um prazer para o paladar mais requintado tanto para Alcoutenejos como para os visitantes.

Carmo Costa

pub

 

 

 

pub

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
Tamanho da Fonte
Contraste