POLÍTICA

André Varela é o candidato da CDU à Câmara de Monchique

CDU Monchique André Varela

A Coligação Democrática Unitária (CDU) vai candidatar André Varela à presidência da Câmara de Monchique nas próximas eleições autárquicas, anunciou a coligação formada pelo Partido Comunista Português (PCP) e pelo Partido Ecologista Os Verdes (PEV).

Funcionário na área da vigilância privada, André Varela, de 40 anos, nasceu em Lisboa, mas reside há cerca de 30 anos no concelho de Monchique, avançou em comunicado a comissão coordenadora concelhia da CDU.

A estrutura partidária informou ainda que António Justino, de 67 anos, empresário e deputado municipal eleito pela coligação em 2017, será o cabeça de lista à Assembleia Municipal de Monchique.

A CDU adianta que com o anúncio dos primeiros candidatos aos órgãos autárquicos, é dado “um importante passo, rumo ao objetivo de aumentar o número de votos e de mandatos no concelho”.

A coligação PCP/PEV pretende “reforçar a sua intervenção em defesa dos interesses das populações, do poder local democrático e do desenvolvimento do concelho, da região e do país”.

André Varela tem como adversários já conhecidos na corrida à presidência da Câmara de Monchique, o gerente bancário Paulo Alves (PS) e o fisioterapeuta Bruno Estremores, indigitado pelo PSD.

Nas eleições autárquicas de 2017, a CDU obteve em Monchique 4,07% dos votos num universo de 3.487 votantes, num concelho onde o PSD venceu com maioria absoluta (43,5%), ao garantir três dos quatro eleitos na Câmara Municipal.

O PS foi a segunda força política mais votada (37,45%), elegendo um vereador, seguido do movimento Cidadãos por Monchique (11,39%).

Por lei, as eleições autárquicas têm de ocorrer entre 22 de setembro e 14 de outubro, mas a data deste ano ainda não foi anunciada.

PUB
Tamanho da Fonte
Contraste