Berlim aconselha Portugal a “preservar cuidadosamente” confiança dos mercados

.
.

Em declarações ao Expresso e à RR, o Ministério das Finanças alemão manifesta apoio claro ao Governo português, mas alerta para a importância de preservar a confiança.

A Alemanha acredita que “o Governo português e os portugueses” vão ultrapassar os problemas suscitados pela decisão do Tribunal Constitucional, da mesma forma “decisiva e empenhada como têm enfrentado todos os outros desafios até agora”. Mas avisa que a confiança dos mercados é algo “difícil de conquistar e deve ser cuidadosamente preservada”.

Numa altura em que Berlim e os demais parceiros europeus esperam que o Governo explique como é que tenciona contornar o chumbo do Tribunal Constitucional e garantir a implementação do programa de ajustamento, do Ministério das Finanças alemão chega uma mensagem de confiança em Portugal.

O porta-voz de Wolfgang Schäuble respondeu com uma declaração escrita a um conjunto de perguntas endereçadas pelo Expresso e pela Rádio Renascença ao ministro das Finanças germânico: “O Governo alemão está confiante de que o Governo português e os portugueses vão resolver o problema atual da mesma forma decisiva e empenhada como têm enfrentado todos os outros desafios até agora”, afirma Martin Kotthaus.

Segundo Kotthaus, Portugal tem feito “um trabalho admirável até aqui e já obteve muitos resultados neste percurso”, sublinhando que foi desta forma que o país “recuperou a confiança dos mercados”.

E num aviso em relação a uma eventual deterioração da situação política do país, salienta que essa mesma confiança “é difícil de obter e tem de ser cuidadosamente preservada”.

Daniel do Rosário (Rede Expresso)

pub

 

 

 

pub

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
Tamanho da Fonte
Contraste