MUNDO

Brasil decide próximo presidente na segunda volta

 

Dilma Rousseff não conseguiu os 50 por cento mais um voto que precisava para ser eleita presidente, sendo assim obrigada a uma segunda volta, onde terá José Serra como adversário.

Os eleitores brasileiros vão decidir que vai ser o sucessor de Lula da Silva na segunda volta, uma vez que Dilma Rousseff não conseguiu, este domingo, os 50 por cento mais um voto que necessitava para ser eleita presidente brasileira.

Com pouco mais de 95 por cento dos votos contados, a candidata do Partido dos Trabalhadores recolheu 46.25 por cento dos sufrágios, contra 32.88 por cento conseguidos por José Serra, do PSDB, que será o adversário de Rousseff na segunda volta marcada para 31 de Outubro.

Ainda de acordo com os números divulgados pelo Tribunal Superior Eleitoral, Marina Silva, do Partido Verde, conseguiu 19,67 por cento dos votos, ao passo que Plínio de Arruda Sampaio ficou com 0,89 por cento

PUB
Tamanho da Fonte
Contraste