Jardim Manuel Bivar faro
Jardim Manuel Bivar, em Faro
CULTURA

Candidatura de Faro a Capital Europeia da Cultura debate arquitetura modernista

O projeto MI.MO.MO.FARO, desenvolvido no âmbito da Candidatura de Faro a Capital Europeia da Cultura 2027, promove nesta quinta-feira a primeira de uma série de mesas-redondas, esta dedicada à arquitetura modernista, anunciou a Faro 2027 Candidatura a Capital Europeia da Cultura.

“Faro, Cidade Modernista no Sul da Europa” é o tema deste evento online, acessível ao público através da página de Facebook @Faro2027, que decorre quinta-feira, dia 25 de março, às 18:30.

Esta mesa-redonda, moderada por Tiago Candeias, junta três arquitetos, profundamente conhecedores da arquitetura modernista na região e na cidade: Teresa Valente, Ricardo Agarez e Gonçalo Vargas.

“Num ambiente informal estes convidados irão debater temas como: a história da arquitetura modernista em Faro, as características e especificidades dos edifícios emblemáticos da cidade, bem como a sua conservação e requalificação”, afirma a Faro 2027.

“O projeto MI.MOMO.FARO pretende, assim, levar à discussão pública as grandes temáticas da Candidatura de Faro a Capital Europeia da Cultura 2027, entre elas: a valorização do património cultural enquanto legado para as gerações futuras e a cooperação institucional na regeneração urbana”, sublinha.

MI.MOMO.FARO é um projeto de educação patrimonial que envolve, também, 6 escolas do 3º ciclo do concelho, visando a reprodução de edifícios mais importantes de arquitetura modernista da cidade na plataforma Minecraft: Edição Educação.

Desenvolvido com o apoio da Microsoft Portugal e do Plano Nacional das Artes, o MI.MOMO.FARO envolve mais de 150 alunos, com idades compreendidas entre os 13 e os 15 anos, e mais de 20 professores, apoiados por técnicos de arquitetura, urbanismo e património do Município de Faro e por várias figuras de relevo nesta área.

PUB
Tamanho da Fonte
Contraste