Carolina Mendes antevê dois jogos de “elevada exigência” na Algarve Cup

“São seleções bastante fortes, com jogadoras possantes e fortes fisicamente. Elas têm as armas delas e nós teremos as nossas, mas claro que são jogos de elevada exigência. Temos de estar muito focadas e concentradas para conseguirmos bater estas equipas”, afirmou a jogadora, aos jornalistas, antes do primeiro apronto, na Cidade do Futebol.

A equipa das “quinas” inicia a competição esta quarta-feira, às 18:30, frente à congénere norueguesa, no Estádio Municipal de Lagos, enfrentando, quatro dias depois, a equipa sueca, a partir das 17:15, desta feita no Estádio Algarve, na fase inicial da Algarve Cup.

“É sempre um torneio muito especial e claramente vão ser dois jogos bastante difíceis. Vamos entrar para ganhar e dar o nosso melhor”, assegurou a experiente dianteira, do Sporting de Braga, que soma 102 internacionalizações e 22 golos na seleção feminina.

Desde novembro que o conjunto comandado pelo selecionador Francisco Neto não se concentrava e, portanto, a prova serve de “reencontro e de preparação” para os encontros de apuramento para o Campeonato do Mundo, em abril, diante de Alemanha e Bulgária.

“É como se fosse uma preparação para esses jogos, mas para nós são jogos a contar e a sério. Queremos dar o nosso melhor e ficar nos primeiros lugares”, realçou a atleta.

A 28.ª edição da Algarve Cup conta com um novo formato, de apenas cinco seleções – Portugal, Itália, Noruega, Dinamarca e Suécia -, no qual cada uma disputa dois jogos e qualifica-se para a final ou para uma “poule”, de três equipas, que atribui as restantes classificações do torneio, a realizar-se de 16 a 23 de fevereiro, em território algarvio.

- Publicidade -

“É um formato bastante diferente dos anos anteriores e teve esta interrupção devido a covid-19. Apesar do formato, vamos preparar-nos da mesma maneira e vamos entrar para ganhar”, reforçou a jogadora, de 34 anos, a mais velha das 23 atletas convocadas.

Carolina Mendes vive um bom momento de forma ao serviço da formação bracarense, o que implica a possibilidade de poder contribuir mais no espaço de seleção, entendeu a atleta, que também vê “uma força extra” na presença de público luso nos recintos.

A comitiva viaja ainda hoje rumo ao Algarve, com chegada prevista para as 21:00, num dia em que houve uma alteração na convocatória, com a entrada de Joana Martins, do Sporting, para o lugar da colega de equipa Andreia Jacinto, que se encontra lesionada.

- Publicidade-spot_img

Deixe um comentário

+ Populares

- Publicidade -castro-marim-santos
- Publicidade-spot_img

Leia Também

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite o seu comentário!
Por favor, digite o seu nome

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Tem uma Dica?

Contamos consigo para investigar e noticiar

Tamanho da Fonte
Contraste