Caso Alice: Pai acusado de sequestrar filha vai passar três anos na cadeia

.

O Tribunal de Faro condenou a três anos e dois meses de prisão efetiva o ex-agente da Polícia Marítima que estava acusado de sequestrar a filha Alice, em 2012, na altura com 10 anos e que residia com a mãe em Tavira, considerando-o culpado do crime de sequestro agravado.

A avó da criança, Maria Dolores, mãe do indivíduo, foi condenada pelo mesmo crime, mas a dois anos e seis meses de pena suspensa, já que o tribunal considerou que a sua intervenção aconteceu depois do filho ter decidido não devolver Alice à mãe.

Paulo Guimar, pai da criança, chegou a explicar ao tribunal que decidiu levar a filha depois desta lhe ter feito queixas da mãe, entre as quais o facto de se ter perdido numa praia e num parque aquático. O pai explicou ainda que as queixas da criança, bem como a sua doença, acabaram por leva-lo a cometer aquele ato.

.

.

.

- Publicidade -

.

- Publicidade-spot_img

Deixe um comentário

- Publicidade-spot_imgspot_img

+ Populares

- Publicidade -spot_img
- Publicidade -santos-populares-portimao

Leia Também

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite o seu comentário!
Por favor, digite o seu nome

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Tem uma Dica?

Contamos consigo para investigar e noticiar

Tamanho da Fonte
Contraste