Castro Marim: Obra avança para travar desmoronamento da muralha

A Câmara Municipal de Castro Marim já arrancou com a recuperação e consolidação do troço da muralha da cerca abaluartada, conhecida como a muralha do forte de S. Sebastião e que dá acesso ao castelo de Castro Marim.

Segundo a autarquia, esta intervenção, estimada em cerca de 170 mil euros, “vai travar o desmoronamento progressivo que se tem vindo a verificar neste pano de muralha” e, também, “dar continuidade a investimentos realizados noutras zonas da cerca seiscentista”.

“Preservar a autenticidade e a integridade da fortificação da vila de Castro Marim” é o principal objetivo desta empreitada, que foi submetida e aprovada pelo Ministério da Cultura – Direção Regional do Algarve, e será acompanhada por um arqueólogo.

A recuperação e recuperação do troço da muralha foi aprovada no âmbito do programa CRESC Algarve 2020, sendo cofinanciada a 70% por fundos europeus.

pub

 

 

 

Tamanho da Fonte
Contraste