Castro Marim quer reabrir Universidade do Tempo Livre em outubro

.

.

Na próxima quarta-feira, às 16h00, a Biblioteca Municipal de Castro Marim acolhe um encontro, aberto a todos os interessados, para a preparação do novo ano letivo 2018/2019 da Universidade do Tempo Livre (UTL).

A autarquia garante que dará continuidade à oferta educativa que tem sido disponibilizada e explica que a referida reunião serve para “auscultar as necessidades e expetativas da população em relação à UTL” e para “agilizar o processo de inscrições, para que a iniciativa arranque ainda no mês de outubro”.

Garantida está já a abertura dos cursos de Artes Decorativas, Atelier Medieval, Bordados, Trapologia, Atividade Física, Informática e Meditação, em 10 localidades do concelho: Altura, S. Bartolomeu, Rio Seco, Castro Marim, Monte Francisco, Junqueira, Azinhal, Corte Pequena, Alta Mora e Furnazinhas.

Uma das novidades que a câmara municipal pretende introduzir este ano na UTL prende-se com a aprendizagem das artes locais, tendo a autarquia lançado já o repto aos artesãos do concelho para o ensino e reinvenção dos seus mesteres. A cestaria ou a renda de bilros, são alguns dos exemplos que poderão abrir este ano, consoante o interesse observado neste encontro.

Procurando continuamente a proximidade e interação da UTL com a comunidade, bem como a sua instrumentalização como forma de promoção do potencial do concelho de Castro Marim, está a ser projetada uma agenda de workshops, destinados a toda a população, de acordo com a oferta formativa existente.

Tal como nos últimos anos, esta iniciativa contará com a colaboração da Associação Odiana. No último ano letivo participaram nos cursos da UTL, aproximadamente, 150 pessoas e foi realizado um investimento de cerca de 30 000 €.

Advertisements

pub

 

Advertisements
WP Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
Tamanho da Fonte
Contraste