DESPORTO MODALIDADES

Clube de Ténis de Tavira denuncia desrespeito pelo confinamento na modalidade

O Clube de Ténis de Tavira denuncia, em comunicado, que o “Pedras Tennis and Paddel Academy”, situado no Aldeamento Turístico Pedras da Rainha, em Cabanas, “nunca fechou”, apesar de estar obrigado a isso pelas medidas de confinamento em vigor.

O Clube de Ténis de Tavira, diz que apesar da situação já ter sido várias vezes denunciada à GNR de Tavira, o clube continua em atividade, num “desrespeito pelas medidas impostas pelo governo no combate à pandemia do COVID-19” e pela Federação Portuguesa de Ténis.

No caso do “Pedras Tennis and Paddel Academy” apenas teriam direito a treinar, ao abrigo da exceção prevista para os atletas de alto rendimento, os jogadores Daniel Maurício Marincas e Tiago Pereira, no entanto, segundo refere o comunicado, “os treinadores continuam a lecionar as suas aulas de forma totalmente ilegal” e, o que é mais grave, “ninguém usa máscara, nem os treinadores, nem os alunos quando estão na secretaria/bar do clube”.

O Clube de Ténis de Tavira queixa-se ainda do facto do “Pedras Tennis and Paddel Academy” acolher outras entidades para treinos de conjunto, como foi, recentemente, o caso do Beloura Tennis Academy, de Sintra.

E termina, considerando esta situação uma “tremenda injustiça e um total desrespeito pelas outras entidades também ligadas à modalidade, prejudicando diretamente as mesmas, numa concorrência desleal e a imagem do ténis em geral”.

.

PUB
Tamanho da Fonte
Contraste