ALGARVE

Cooperação marítima entre dez países testada no Algarve

Cooperação marítima entre dez países testada no Algarve
A Marinha Portuguesa, organiza, até ao dia 29 de outubro, o exercício SEABORDER21, cujo objetivo é treinar técnicas, táticas e procedimentos de operações de segurança marítima para o exercício da autoridade no mar, assim como reforçar a cooperação entre as Forças Armadas de 10 países participantes, anunciou a força militar.

O exercício contará com oito navios e duas aeronaves de vigilância marítima, num quantitativo aproximado de 400 militares pertencentes aos países da Iniciativa 5+5 Defesa. Portugal irá participar através de um Navio de Patrulha Oceânico e duas Lanchas de Fiscalização Rápida da Marinha e uma aeronave de patrulha marítima da Força Aérea Portuguesa.

O SEABORDER21 reforça ainda a cooperação entre as Forças Armadas dos dez países, nomeadamente, no que toca à partilha de informação entre os Centros de Operações Marítimas, e o emprego operacional dos navios, aeronaves e veículos não tripulados no combate às atividades ilícitas no mar.
A Iniciativa 5+5 Defesa, estabelecida em 2004, integra os 5 países da margem norte e os 5 países da margem sul do Mar Mediterrâneo Ocidental: Argélia, Espanha, França, Itália, Líbia, Malta, Mauritânia, Marrocos, Portugal e Tunísia, e visa contribuir para a manutenção e promoção da confiança, colaboração e cooperação mútua entre as estruturas de defesa.

O exercícios iniciam esta terça-feira, 26 de outubro nas águas a sul de Portimão.

PUB
Tamanho da Fonte
Contraste