Crianças formam Laço Humano em Alcoutim e Martim Longo

Sendo abril o Mês da Prevenção dos Maus-tratos na Infância, a Comissão de Proteção de Crianças e Jovens de Alcoutim (CPCJ), com o apoio da autarquia, associa-se à campanha nacional “Serei o que me deres…que seja amor”, dinamizando para o efeito várias iniciativas que culminarão com a formarão de um Laço Humano, no dia 30 de abril, na Praça da República em Alcoutim e em Martim Longo pelas 10h30.
Foram fixados cartazes da campanha, comunicação no site do município e do agrupamento de escolas, leitura da história do Laço Azul nas turmas, divulgando o concurso do Laço Azul em todas as turmas.
Desde o início do século XXI, o mês de abril é assinalado como o Mês Internacional da Prevenção dos Maus-Tratos na Infância em muitos países.
A campanha de alerta para a prevenção dos maus-tratos a que muitas crianças e jovens ainda estão sujeitos decorre da necessidade de sensibilização e do combate à mesma, que exige um esforço conjunto, de todos, sendo importante alargar o esforço e torná-lo cada vez mais transversal e eficaz na sociedade portuguesa.
A Organização Mundial de Saúde (OMS) define como abusos ou maus tratos às crianças todas as formas de lesão física ou psicológica, abuso sexual, negligência ou tratamento negligente, exploração comercial ou outro tipo de exploração, resultando em danos atuais ou potenciais para a saúde da criança, sua sobrevivência, desenvolvimento ou dignidade num contexto de uma relação de responsabilidade, confiança ou poder. Estabelece, ainda, quatro tipos de maus tratos: físico, emocional, sexual e negligência.

pub

 

 

 

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
Tamanho da Fonte
Contraste