OPINIÃO

Crónica de Faro: Lembrança e memória do professor Mário Moniz (“O Senhor Atletismo”)

Faro
OPINIÃO | JOÃO LEAL

Por iniciativa da Delegação do Algarve do IPDJ (Instituto Português do Desporto e Juventude), na liderança do seu mentor regional, Professor Custódio Moreno, foi prestada uma saudosa evocação a esse «campeão inter campeões» que foi o sempre lembrado Professor Mário Moniz Pereira.


Nesta admirável tertúlia/tributo falou-se e com que saudade e com que justiça desse «Senhor Atletismo» que trouxe para Portugal os maiores títulos alcançados na modalidade. Foi também, nos tempos não distantes, em que muito se falava do «Desporto/Turismo», de que o Algarve era «um destino único na Europa, 365 dias em cada ano», que o carismático atleta, dirigente, treinador e mestre, prestou relevantes serviços à nossa Região, de modo próprio através das várias edições da «Taça dos Clube Campeões Europeus em Corta Mato», vividas quer em Vilamoura, primeiro e depois na Aldeia das Açoteias.


«Moniz Pereira, o treinador e o atleta» foi o mote dado para esta sessão que contou, entre muitos outros, com a presença de sua filha Leonor, do Prof. Artur Lara Ramos («O Sr. Atletismo do Algarve») e dos campeões Ezequiel Canário, Aurora Cunha, Ana Dias e que teve no dedicado jornalista Artur Madeira o seu coordenador.


Mário Alberto Ferreira Moniz Pereira, de seu nome completo, nasceu em Lisboa (1921), cidade em que viria a falecer aos 95 anos, quando corria o ano de 2016. Atleta em várias modalidades (atletismo, andebol, basquetebol, futebol, hóquei patinado, ténis de mesa, voleibol, etc.), licenciou-se no ex – Instituto Nacional de Educação Física (INEF), hoje Faculdade de Motricidade, onde exerceu a docência durante 27 anos. Esteve presente em 12 Jogos Olímpicos, 13 Campeonato da Europa e 21 Mundiais de Crosse, sendo como foi definido «um fazedor de campeões» (Carlos Lopes, Fernando Mamede, os irmãos Castro, Francis Obikelu, Naide Gomes, etc.).


Não esquecemos também o Professor Moniz Nogueira como exímio pianista e destacado compositor, havendo composto músicas para conhecidos e famosos artistas – Amália Rodrigues, Lucília do Carmo, Carlos do Carmo, Carlos Ramos, Tony de Matos e outros.


Se hoje recebe a nossa admiração e apreço, em vida o «Senhor Atletismo» foi distinguido com altas condecorações, entre as quais: a Comenda e o Grande Oficialato da Ordem do Infante Dom Henrique, a Comenda da Ordem da Instrução Pública e o Emblema de Ouro da AEA (Associação Europeia de Atletismo), que é a mais alta distinção individual desta entidade.


Também escreveu vários livros sobre a modalidade («Manual de Atletismo», «Carlos Lopes e a Escola Portuguesa de Meio Fundo», etc.).
Vários e fortes laços o ligam a Faro. Daí a plena justiça e oportunidade desta tertúlia/tributo, uma homenagem ao Professor Moniz Nogueira, o «Senhor Atletismo».

João Leal

PUB
WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
Tamanho da Fonte
Contraste