Crosse Internacional das Amendoeiras em Flor contou com 800 atletas de todo o mundo

Cerca de 800 atletas de diferentes nacionalidades e escalões participaram na 43ª edição do Crosse Internacional das Amendoeiras em Flor, última prova do circuito internacional de corta-mato da World Athletics.

Os atletas do Quénia David Kiplangat, em representação do Sporting Clube de Portugal, e Lydia Lagat foram os vencedores das provas masculina e feminina do Crosse Internacional das Amendoeiras em Flor, que decorreu no passado domingo (2 de fevereiro) na Pista de Crosse das Açoteias, em Albufeira.

Davis Kiplangat, que na edição do ano passado ficou colocado em segundo lugar, esteve sempre na frente e cortou a meta com um segundo de diferença do queniano Richard Yator. Em terceiro lugar ficou Yemane Haileselassie, natural da Eritreia, que na última volta passou o benfiquista Rui Pinto.

No lado feminino a seguir a Lydia Lagat esteve Rahel Daniel, da Eritreia, que conquistou o segundo lugar. A sportinguista Salomé Rocha foi a terceira classificada enquanto que Catarina Ribeiro, da mesma equipa, ficou em quarto lugar. 

Antes desta prova, decorreu o 18º Corta Mato Jovem das Areias de São João, uma prova regional anual integrada no Campeonato Regional de Corta Mato, que contou com a participação de mais de 500 atletas de todas as idades, incluindo os escalões de formação.

Este evento contou ainda com o 30.º Corta Mato do Desporto Adaptado, que teve a participação de uma centena de atletas, promovendo a inclusão social através do desporto. 

O Crosse Internacional das Amendoeiras em Flor é organizado pela Associação de Atletismo do Algarve, com o apoio da Câmara Municipal de Albufeira, Região de Turismo do Algarve e Instituto Português do Desporto e da Juventude.

Gonçalo Dourado

Gonçalo Dourado

Adiconar comentário

Carregue aqui para comentar

Comentar

Tamanho da Fonte
Contraste