ALGARVE

Descontos nas portagens são “um paliativo”, critica Comissão de Utentes da A22

Utentes da Via do Infante protestaram em Olhão, aproveitando a visita do ministro Pedro Marques

A Comissão de Utentes da Via do Infante criticou hoje os descontos nas portagens naquela estrada, considerando que eles são “um paliativo” e “não resolvem o problema essencial”, a própria existência de portagens.

Em declarações ao JA, o dirigente daquele movimento João Vasconcelos classificou de “pequenos paliativos” os descontos anunciados, sublinhando que “a grande fatia dos automobilistas não são abrangidos”.

“O que o Governo devia fazer era o que foi aprovado na AR, suspender as portagens, que foi uma determinação da AR e era bom que o Governo cumprisse o que foi aprovado pelo Parlamento, pois isto são pequenos remendos que não resolvem o essencial”, disse o tamb~em deputado do Bloco de Esquerda ao JA.

Recordou que este anúncio surge numa altura em que a EN125 ainda não está totalmente requalificada e que “tem um forte congestionamento, por efeito das portagens”.

“Há 3 anos o Governo PS tinha feito um estudo e chegou-se à conclusão de que a Via do Infante era das mais caras do País, estava 30% acima das outras portagens, em média, situação que se vai manter”, disse, acrescentando que Nua região com 150% de aumento do desemprego, o Governo tinha aqui uma oportunidade para beneficiar a vida das pessoas, melhorar a economia, que se perdeu.

De acordo com uma medida hoje aprovada em Conselho de Ministros, as portagens na Via do Infante terão novos descontos a partir de 1 janeiro,

Segundo a ministra da Coesão Territorial, Ana Abrunhosa, haverá um desconto de 25% para os veículos de classe 1 e 2, que será aplicado a partir do 8º dia de utilização num mês, em todas as ex-SCUT.

A governante disse que haverá um aumento do desconto para os veículos de transporte de mercadorias que passem debaixo dos pórticos: o atual desconto de 30% durante o dia e 50% durante a noite sobem, respetivamente, para 35% e 55%.

Tamanho da Fonte
Contraste
Bloggers %d como este: