campismo aljezur vila do bispo
ALGARVE

Detetadas 81 infrações por campismo ilegal no Algarve

A Guarda Nacional Republicana (GNR) detetou 81 infrações relacionadas com campismo e autocaravanismo ilegais, durante uma inspeção realizada, no sábado, no Parque Natural do Sudoeste Alentejo e Costa Vicentina.

Do total das infrações detetadas, 34 resultaram de campismo selvagem e de autocaravanismo em locais não permitidos e as restantes 47 por proibição de aparcamento e pernoita, especificou a guarda em comunicado.

A operação decorreu nos concelhos algarvios de Aljezur e de Vila do Bispo – com especial incidência no Parque Natural do Sudoeste Alentejano e Costa Vicentina -, locais habitualmente frequentados por centenas de autocaravanistas ao longo de todo o ano.

Segundo a GNR, a operação foi realizada com o apoio da Direção Regional da Conservação da Natureza e das Florestas do Algarve, da Polícia Marítima e da proteção civil municipal da autarquia de Vila do Bispo.

As ações de fiscalização visam mitigar as atividades de campismo selvagem e autocaravanismo ilegal nas áreas protegidas, para evitar a ocupação desordenada dos espaços públicos, zonas costeiras e áreas classificadas.

A ocupação excessiva daqueles espaços “tem consequências negativas na paisagem, no ambiente, no ordenamento do território e na saúde pública”, lê-se no documento.

A GNR adianta que irá continuar a sensibilizar os caravanistas e campistas para adotarem um comportamento mais responsável e amigo do ambiente, especialmente nas áreas protegidas.

PUB
Tamanho da Fonte
Contraste