ALGARVE

Detidos pela GNR confessam arrombamentos mas negam furtos

Dois indivíduos foram ontem detidos pela GNR de Loulé e constituídos arguidos por suspeita da prática de cinco furtos a residências no Sítio do Sobradinho de Alfeição. Esta zona está englobada no programa Residência Segura da GNR.
Tudo começou com o alerta de um furto na localidade por volta das 17h30. Os elementos da GNR encetaram buscas nas redondezas tendo como base uma descrição dos suspeitos comunicada por testemunhas. Os indivíduos foram localizados e tinham um pé de cabra e várias ferramentas utilizadas no arrombamento das portas.

As autoridades viram a obter confissão do arrombamento das residências apesar dos detidos terem negado qualquer furto.
“Até ao momento não foi possível confirmar se foi furtado algum material, uma vez que a maioria das residências se encontram, de momento, desabitadas”, lê-se no comunicado divulgado pelo Comando Territorial de Faro da GNR.
Um dos detidos, de nacionalidade portuguesa, já estava indiciado pela prática de furtos. O outro indivíduo tem nacionalidade moldava. Ambos têm 17 anos.

PUB
Tamanho da Fonte
Contraste