Em dois anos chegaram ao Algarve 134 migrantes do norte de África

O último caso envolvendo migrantes registado na costa algarvia aconteceu em setembro de 2020, ano em que houve uma sucessão de desembarques, tendo entrado ilegalmente no país desde dezembro de 2019, e até essa altura, um total de 97 pessoas provenientes de Marrocos.

Parte dos migrantes que começaram a desembarcar no Algarve desde o final de 2019 tentaram pedir asilo, mas foi-lhes negado, alguns estão em parte incerta e a maioria recebeu ordem de expulsão do país, aguardando a concretização da decisão judicial em prisões e outros locais.

O último caso envolvendo migrantes na costa algarvia tinha sido registado em setembro de 2020, quando um grupo de 29 pessoas, incluindo mulheres e crianças, desembarcou na ilha Deserta, em Faro. Duas semanas depois, 17 destes migrantes evadiram-se do quartel em Tavira onde estavam sob a guarda do Serviço de Estrangeiros e Fronteiras (SEF).

A evasão de 17 dos 29 migrantes que chegaram ao Algarve em setembro de 2020 levou o ministro da Administração Interna, Eduardo Cabrita, a pedir a abertura de um inquérito para apurar “as circunstâncias da referida fuga e de eventuais responsabilidades disciplinares de elementos” do SEF e da PSP.

O primeiro desembarque ilegal registado na costa algarvia em 2020 foi em 29 de janeiro, ao largo da ilha da Armona, em Olhão, com um grupo de 11 migrantes. Antes, em dezembro de 2019, tinha havido outro em Monte Gordo, com oito migrantes.

O primeiro incidente do género registado na costa portuguesa aconteceu há mais de uma década, em dezembro de 2007, quando um grupo de 19 migrantes alegadamente provenientes de Marrocos desembarcou na ria Formosa, junto a Olhão.

- Publicidade-spot_img

Deixe um comentário

- Publicidade-spot_imgspot_img

+ Populares

- Publicidade -spot_img
- Publicidade -santos-populares-portimao

Leia Também

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite o seu comentário!
Por favor, digite o seu nome

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Tem uma Dica?

Contamos consigo para investigar e noticiar

Tamanho da Fonte
Contraste