Exército de artistas voadores invade Praça dos Pescadores

Nos próximos dias 9 e 10, pelas 22h00, o Circo da Madrugada apresenta um grandioso espectáculo de luzes e cor. A Praça dos Pescadores, na cidade de Albufeira, servirá de cenário a esta performance estonteante de coreografias e artes circenses.

Criado no Brasil em 1996 por Pierrot Bidon, o Circo da Madrugada tem sido descrito como um “circo moderno”, cheio de histórias e performances alucinantes, onde impera a arte circense.

Com um elevado sentido cénico, o espectáculo decorre de noite entre as influências do teatro, mundo circense, ballet, rock e ópera.

Esta mega companhia, já com 14 anos de experiência, está de visita a Albufeira com o espectáculo “Caídos do Céu”. Artistas de várias nacionalidades dão vida a uma lenda brasileira segundo a qual, a cada 500 anos, os anjos descem à terra por uma noite para desfrutar dos prazeres terrenos.

Nesta fantástica história, irrompem num ballet acrobático suspensos por cabos e aterram na estrutura “Angeldôme” (cúpula dos anjos), uma catedral de metal com cerca de 30 metros de diâmetro e 20 metros de altura.

Numa animada espiral aérea, os anjos rodopiam, sobem e descem, utilizando vários tipos de cordas, trapézios, fitas e arame, numa performance onde não faltam os malabaristas e comedores de fogo.

O impacto que este espectáculo teve no Brasil marcou um importante ponto de viragem na história da cultura circense brasileira, à semelhança do que viria a suceder com o “Archaos” na Europa.

Este é um momentos altos do programa Allgarve’10, que conta com a parceria da Câmara de Albufeira e do Turismo de Portugal.

A entrada é livre.

NC/JA

Advertisements
Advertisements
Tamanho da Fonte
Contraste