Exército previne fogos na serra do Caldeirão

.

Com o intuito de proteger o território concelhio dos incêndios florestais, a Câmara de São Brás de Alportel assinou, na passada sexta-feira, um protocolo de colaboração com o exército, nomeadamente o Regimento de Infantaria nº 1 de Tavira.

“Esta parceria tem por objetivo reforçar a vigilância florestal na serra são-brasense durante o período mais crítico do ano”, adianta a autarquia em comunicado, frisando que “a prevenção de incêndios é a primeira etapa na luta contra este flagelo que afeta as zonas florestais por diminuir a probabilidade da ocorrência dos mesmos e constitui uma das principais apostas do município são-brasense na defesa da floresta e da serra do Caldeirão”.

Com um território maioritariamente florestal, São Brás de Alportel tem na serra que a circunda uma das suas principais fontes de riqueza económica, para além da promoção do equilíbrio ecológico, que representa.

“Esta parceria, integrada nas novas ações previstas no Plano de Prevenção de Incêndios Florestais 2014 – Programa de Vigilância na Serra de Brás de Alportel, garante uma vigilância reforçada face anos anteriores, com a circulação diária de duas viaturas do exército de Tavira, com militares em permanência e respetiva guarnição, 24 horas por dia, desde dia 2 de julho até 25 de setembro”, realça o município, concluindo que, desta forma, será assegurada a segurança da população e a defesa do património natural de São Brás de Alportel.

JA

- Publicidade-spot_img

Deixe um comentário

+ Populares

- Publicidade -castro-marim-santos
- Publicidade-spot_img

Leia Também

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite o seu comentário!
Por favor, digite o seu nome

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Tem uma Dica?

Contamos consigo para investigar e noticiar

Tamanho da Fonte
Contraste