Faro: Os 25 anos das Moçoilas assinalados com uma exposição no IPDJ

SAMSUNG CSC

Na Galeria de Exposições da Direção Regional do Algarve do IPDJ, I.P., na rua da PSP, em Faro, vai ser inaugurada na próxima sexta-feira, dia 22, pelas 18h30, uma exposição que assinala os 25 anos de carreira das Moçoilas.

As Moçoilas surgiram da necessidade de levar uma representação da cultura serrana (Algarve Norte / Alentejo Sul) a uma mostra e partilha de várias regiões, MANIFesta (Santarém). A partir do património oral, cantado ou falado e de um vínculo grande com as gentes da serra do Caldeirão, decidiu criar-se um grupo de vozes de mulheres que se fizesse ouvir, dando voz àquelas serranias e a uma região que não se conhecia cantada. As Moçoilas surgiram em 1994 e, desde então até hoje, continuam a cantar e a fazer sentir o Sul, sempre com o cuidado de manter a genuinidade do canto, das letras e das pronúncias.

No ano em que comemoram 25 anos de carreira e em que são “Artistas Figuras 2019” pelo Teatro Municipal de Faro, as Moçoilas apresentam uma exposição que mostra o trabalho que têm vindo a desenvolver e que, à sua maneira divertida e descontraída, contribui para a preservação da memória, para a divulgação do património oral cantado e falado da serra algarvia, dos seus costumes e tradições.

A exposição inclui aguarelas da artista plástica Joana Rosa Bragança, que ilustra alguns momentos das Moçoilas no ano 2019; artesanato e design, em colaboração com a Associação de Designers do Sul, no âmbito do projeto Design e Ofícios; tradição e concetualização, um contributo da Sê Mais Sê Melhor – Associação para a Promoção do Potencial Humano; e peças de latoaria do artesão David Gonçalves, entre outros materiais que documentam o percurso das Moçoilas. A exposição vai estar patente ao público até 17 de dezembro.

Adiconar comentário

Carregue aqui para comentar

Comentar

>
Tamanho da Fonte
Contraste