França exige à Google mil milhões de euros

.

Os lucros do Google na Europa vão parar a uma conta da empresa nas Bermudas. França diz que as transferências do dinheiro não foram pagas como impõe a lei.

As finanças francesas pediram ao Google mil milhões de euros de impostos que ficaram por pagar sobre lucros não declarados transferidos da empresa em França para a sede europeia do gingante americano, na Irlanda, noticiou o jornal “Le Canard Enchaîné”.

O jornal “Les Echos” afirma que a dívida foi apurada depois de uma investigação feita, nos últimos meses, pela direção-geral das Finanças. “O motor de busca teve um volume de negócios entre 1,25 e 1,4 mil milhões de euros, mas terá declarado apenas 138 milhões.”

Os lucros do Google são declarados pela sede europeia da empresa, na Irlanda, sendo depois transferidos para as Bermudas, através de uma passagem por uma sociedade intermediária na Holanda, no entanto, a empresa tem de pagar um preço pelas transferências que faz.

A Google defende-se e diz que respeita a legislação fiscal de todos os países onde opera. “Ainda não recebemos qualquer notificação da direção-geral das Finanças. Vamos continuar a cooperar com as autoridades francesas, como temos feito até aqui”, refere um comunicado da Google.

Esta cobrança por parte da França está a ser vista pelos analistas como um fator de pressão sobre o gigante americano, já que o Presidente francês deu dois meses à empresa para chegar a acordo com os media pela utilização dos seus conteúdos.

Carolina Reis (Rede Expresso)

Advertisements

Adiconar comentário

Carregue aqui para comentar
Advertisements
WP Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
Tamanho da Fonte
Contraste