ALGARVE

GNR detém quatro pessoas suspeitas de furtar alfarroba em Albufeira

[mobileonly] [/mobileonly]

A Guarda Nacional Republicana (GNR) anunciou ontem a detenção de quatro pessoas, em Albufeira, suspeitas de furtarem alfarroba de um terreno agrícola, tendo apreendido mais de 30 quilogramas daquele fruto. 

A GNR especificou em comunicado que as detenções ocorreram quando os militares avistaram quatro adultos, com idades entre os 20 e 35 anos, e um menor a varejar um terreno de alfarrobeiras, em Olhos de Água.

“Ao serem abordados, confirmaram que não conheciam o proprietário do terreno nem tinham autorização para ali estar, tendo na sua posse 31,4 quilos de alfarroba”, indicou a guarda.

Além das alfarrobas, a GNR apreendeu quatro varas de varejar e uma viatura. Os quatro adultos foram constituídos arguidos, tendo os factos sido remetidos para o Tribunal Judicial de Albufeira.

Segundo a GNR as pessoas foram detetadas na sequência da operação “Campo Seguro 2020”, que está a decorrer desde o dia 1 de junho, com o propósito de evitar crimes de furto junto das propriedades agrícolas, uma vez que nesta altura do ano o foco na região do Algarve se direciona para a alfarroba pelo valor comercial que representa e pela facilidade quer na apanha quer na sua venda.

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
Tamanho da Fonte
Contraste
%d bloggers like this: