“Governo deve suspender obras até outubro”, exigem empresários

Quem circula na estrada que atravessa o Algarve vê-se confrontado com inúmeras obras em curso
Quem circula na estrada que atravessa o Algarve vê-se confrontado com inúmeras obras em curso

A Associação dos Hotéis e Empreendimentos Turísticos do Algarve (AHETA) exigiu ao Governo que suspenda de imediato as obras na EN 125 até outubro, apelando ainda à suspensão das portagens na Via do Infante.

“Os empresários hoteleiros e turísticos e os algarvios em geral recusam ser tratados como cidadãos de segunda e exigem a intervenção urgente e esclarecida do governo, visando resolver a problemática que envolve as obras de requalificação da EN 125”, refere a associação, num comunicado divulgado ao início desta semana…

(Notícia completa na última edição do JA – dia 12 de maio)

JA

pub

 

 

 

Tamanho da Fonte
Contraste