Governo económico para a UE em debate no Parlamento Europeu

O Parlamento Europeu discute hoje a criação de um governo económico para a União Europeia num debate que conta com a participação do comissário europeu dos Assuntos Económicos e Monetários, Olli Rehn.

A discussão, que acontece a propósito de um documento, cujo relator é o eurodeputado Diogo Feio, do CDS/PP, sobre a criação de um governo económico para a União Europeia (UE), acontece pelas 19:00 na comissão parlamentar para os Assuntos Económicos e Monetários, em Bruxelas.

“O que prevemos no relatório é a existência de um governo económico para os 27 Estados-membros porque a União Europeia reagiu tarde nesta situação crise e houve demasiados incumprimentos, desde logo àquilo que estava estabelecido no Pacto de Estabilidade e Crescimento”, disse à agência Lusa o eurodeputado eleito pelo CDS/PP.

O relatório propõe a possibilidade de um procedimento por dívida excessiva, tal como já acontece no caso de os países que ultrapassam o limite do défice em 3 por cento do Produto Interno Bruto, assim como uma maior vigilância quanto às políticas económicas de cada Estado-membro.

A Comissão Europeia será o “órgão central” neste modelo de governo económico.

Após a discussão do relatório esta segunda feira, os deputados têm até 7 de setembro para apresentar emendas à proposta, que é votado na comissão parlamentar em setembro e chega ao plenário do Parlamento Europeu em outubro.

IM

Lusa/JA

*** Este texto foi escrito ao abrigo do novo Acordo Ortográfico ***

Advertisements

Assine já com 10% de desconto. Cupão: CPNOVO Ignorar

Tamanho da Fonte
Contraste
%d bloggers like this: