GRATO apoia toxicodependentes há 24 anos

O GRATO – Grupo de Apoio a Toxicodependentes, fundada em Portimão a 26 de abril de 1995, está prestes a completar 24 anos. Na semana passada, a instituição elegeu a nova direção, sendo que Joaquim Magalhães, empresário da construção civil, é agora o novo presidente do GRATO, depois de Celina Leal e de Júlia Travessa.

Na assembleia geral que antecedeu o processo de eleição, foi decidido atribuir o título de sócio honorário às anteriores presidentes. Maria Celina Leal, fundadora da instituição, presidiu-a durante 12 anos, entre 1994 e 13 de março de 2007. A 14 de março desse ano toma posse Júlia Travessa, que conduziu os destinos do GRATO até 12 de março de 2019.

A nova direção pretende “aprofundar as parcerias já existentes e estabelecer novos contactos com outras entidades, tanto a nível local como regional, no sentido de desenvolver os seus projetos sociais em curso, sempre em estreita parceria com a Segurança Social”.

Atualmente, o GRATO promove os projetos do Atelier Ocupacional, o Apartamento de Reinserção Social (ARS), a distribuição de alimentos através do Banco Alimentar, a creche Jardim do Sol, a distribuição de alimentos confecionados, o serviço de distribuição de roupa, a utilização de balneário e distribuição de kit de higiene, a Casa Abrigo para mulheres, bem como a equipa de acompanhamento às famílias beneficiárias do Rendimento Social de Inserção e ainda as múltiplas atividades desenvolvidas pela equipa de intervenção direta.

“Com um orçamento de 648 mil euros e 36 colaboradores, o GRATO pretende desenvolver as suas atividades com criatividade e inovação, no sentido de ultrapassar todas as dificuldades existentes”, revela a nova direção.

Refira-se que esta instituição de Portimão segue o chamado “Programa dos 12 Passos”, um programa que deu origem aos grupos dos alcoólicos anónimos e dos narcóticos anónimos.

O 24º aniversário do GRATO vai ser assinalado, no próximo dia 26 de abril, com um evento cultural que será anunciado em breve.

ncouto

ncouto

Jornalista. Carteira Profissional - 3143-A
Portugal

Adiconar comentário

Carregue aqui para comentar

Comentar

Tamanho da Fonte
Contraste