Greves na França perturbam tráfego aéreo para Portugal

Dezena e meia de voos entre Lisboa e Porto e Paris foram hoje cancelados em resultado da jornada de greves contra a nova reforma das pensões.

Segundo informações disponíveis na página dos Aeroportos de Paris, as rotas portuguesas de ou para Charles de Gaulle e Orly foram fortemente afetadas pelo movimento de greves, em mais um dia de mobilização geral dos sindicatos franceses.

Em relação ao tráfego para Lisboa e Porto, a situação durante a manhã de hoje é sensivelmente pior do que a registada em anteriores jornadas de greve, desde o início de setembro.

Todas as companhias que operam rotas entre Portugal e Paris têm voos cancelados, incluindo a TAP, Alitalia, EasyJet, Transavia, Aigle Azur e Czech Airlines.

A direção-geral da Aviação Civil francesa (DGAC) anunciou na quarta-feira que pediu às companhias aéreas o cancelamento de metade dos voos do aeroporto de Paris-Orly e de 30 por cento dos voos nos outros aeroportos franceses.

A DGAC espera um nível de perturbação no tráfego semelhante ao da anterior jornada intersindical de protesto, a 19 de outubro, que afetou sobretudo os voos de médio curso, como os que ligam a capital francesa a Portugal.

O novo projeto de reforma das pensões foi finalmente adotado pelo Parlamento francês na quarta-feira, depois de as duas câmaras (Assembleia Nacional e Senado) terem aprovado o documento.

Os sindicatos marcaram para hoje mais uma jornada de manifestações em todo o país, a sétima em menos de dois meses.

AL/JA

Adiconar comentário

Carregue aqui para comentar

Comentar

>
Tamanho da Fonte
Contraste