ECONOMIA

Indicador de sentimento económico baixa na UE e em Portugal e sobe na zona euro

O indicador de sentimento económico de junho baixou ligeiramente na União Europeia e em Portugal, tendo subido, no entanto, na Zona Euro, de acordo com os dados da Direcção-geral dos Assuntos Económicos da Comissão Europeia, divulgados hoje.

Segundo os dados, disponíveis no site da Direcção-geral dos Assuntos Económicos, o indicador de sentimento económico situou-se nos 100,1 pontos na União Europeia, recuando 0,1 pontos face a maio, enquanto em Portugal está nos 90,2 pontos, em junho, o que revela uma descida face aos 91,1 pontos de maio.

Decompondo o índice por setores, verifica-se que os agentes económicos portugueses se mostraram mais pessimistas na construção e no comércio a retalho e mais otimistas nos serviços, ao passo que os setores da indústria e do consumo mantiveram os valores de maio.

No conjunto dos 16 países da Zona Euro, o indicador de sentimento económico fixou-se nos 98,7 pontos em junho, uma subida de 0,3 pontos face a maio.

Entre os Estados-membros da União Europeia, o Reino Unido registou a maior quebra (menos 3 pontos), seguido pela França (menos 2,3 pontos) e pela Holanda (menos 2,0 pontos).

Espanha registou a maior subida (2,3 pontos) e a Alemanha, a maior economia da Zona Europa, registou uma subida de 0,4 pontos.

CSJ

*** Ao abrigo do Acordo Ortográfico ***

JA/Lusa

Advertisements

Assine já com 10% de desconto. Cupão: CPNOVO Ignorar

Tamanho da Fonte
Contraste
%d bloggers like this: