POLÍTICA

JSD Algarve apresenta propostas para habitação jovem em todos os concelhos

Carlos Gouveia Martins, presidente da JSD/Algarve

.

A Comissão Política Distrital da JSD/Algarve instituiu a apresentação mensal de, pelo menos, um conjunto de propostas estruturais para os jovens algarvios a serem levadas a debate, como moção ou recomendação, a todos os 16 concelhos através das assembleias municipais.

Neste mês de abril, os jovens sociais democratas algarvios remeteram, a todos os responsáveis do PSD em cada concelho, uma moção com um conjunto de medidas sobre habitação jovem.

Depois de ter recolhido informações através da iniciativa “Formar Jovens Autarcas Algarvios”, a estrutura distrital da JSD chegou à conclusão que “são vários os motivos que têm vindo a dificultar a procura de um imóvel para adquirir ou arrendar”.

Estas dificuldades que, de acordo com a JSD, são transversais a grande parte do país, têm vindo a levar à maior desertificação do interior da região algarvia, dificultando a fixação dos jovens casais no Algarve.

Assim, mediante as dificuldades sentidas, entende a JSD/Algarve que é razoável trazer esta matéria a debate público, em todos os municípios algarvios, apresentando um conjunto de medidas que invistam na fixação dos jovens: 1 – «Reabilitar para arrendar»: Criação uma rede local de oferta jovem para proprietários de imóveis abandonados no interior; 2 – «Adquirir para rentabilizar»: Venda de lotes com condição de arrendamento nos primeiros 5 anos; 3 – «Viver o Futuro no Presente»: Discriminação fiscal positiva para jovens, até aos 35 anos, na aquisição de imóvel.

As medidas propostas pela JSD/Algarve são descriminadas e explicadas nas moções que todos os líderes de bancada municipal do PSD, nos 16 concelhos algarvios, terão para apresentar.

Carlos Gouveia Martins, líder da JSD/Algarve afirma que “uma estrutura política de juventude tem de tomar as rédeas do debate em matérias que dizem respeito aos nossos jovens e no Algarve é a JSD/Algarve quem lidera as vozes dos jovens algarvios em várias matérias”.

“Fomos nós que levantámos a questão da ausência protocolos de cuidados de saúde primários entre a UAlg e a ARS, hoje já firmados; fomos nós que levantámos o tema do Centro Hospitalar de cariz universitário meses antes do Sr. ministro da Saúde ou qualquer dirigente socialista; foi pela mão da JSD que se realizam hoje projectos de solidariedade para famílias carenciadas em Monchique ou, como agora, é a JSD/Algarve que apresenta propostas concretas de Habitação Jovem”, sublinha.

Esta medida está, desde o 25.º Congresso Nacional da JSD, realizado o mês passado, na Póvoa de Varzim, inserida na Moção de Estratégia Global da Comissão Política Nacional liderada por Margarida Balseiro Lopes, em virtude de ter sido aprovada por larga maioria dos congressistas.

Advertisements

Assine já com 10% de desconto. Cupão: CPNOVO Ignorar

Tamanho da Fonte
Contraste
%d bloggers like this: