ALGARVE

Junta de Freguesia de Cacela espera reverter fecho dos CTT previsto para 9 de outubro

[mobileonly] [/mobileonly]

A Junta de Freguesia de Vila Nova de Cacela mostrou-se esta quarta-feira esperançada em conseguir reverter o fecho do posto dos Correios local, anunciada para o próximo dia 9 de outubro, e anunciou que já foram agendadas reuniões com os responsáveis dos CTT acerca do assunto.

Na sua página de Facebook, a Junta de Freguesia informa que teve conhecimento que o Posto dos CTT tenciona encerrar a sua atividade e “informa todos os cacelenses que se disponibilizou de imediato para perceber o que se passa e ajudar a criar uma solução”.

“Já foram agendadas reuniões com os responsáveis dos CTT acerca do Posto de Cacela”, afirma a autarquia.

“Não podemos permitir o encerramento de um serviço tão necessário à nossa comunidade que, em quase década e meia de atividade, tem desempenhado um papel social e económico fundamental para os moradores da freguesia Vila Nova de Cacela. Vamos apoiar a continuidade deste serviço público e participar na solução”, conclui num comunicado, entretanto enviado às redações.

Entretanto, a 24 Horas Serve, empresa que tem prestado o serviço de correios em regime de outsourcing em Cacela, assumiu que o encerramento se deve à quebra do contrato com os CTT por parte daquela empresa, devido à sua insatisfação contratual.

“Sucede que uma parceria terá de salvaguardar ambos os parceiros e não apenas um deles. Assim, vimos informar a população e todos os clientes diretos e indiretos do PC de Vila Nova de Cacela que a parceria com os CTT – Correios de Portugal, SA., termina no próximo dia 9 de outubro de 2020, data a partir da qual a 24 Horas Serve, Lda. deixará de prestar qualquer tipo de serviço relacionado com os CTT – Correios de Portugal, SA”, afirma a 24 Horas Serve em comunicado.

A empresa declara que “sempre procurou prestar um apoio social à população da Cacela, bem como apoiar a sustentabilidade da economia local”.

“A 24 Horas Serve, Lda., em conexão com a sua própria estratégia de desenvolvimento, sempre procurou prestar um apoio social à população da Cacela, bem como apoiar a sustentabilidade da economia local”, enuncia.

“Por essa razão, há 13 anos em parceria com os CTT- Correios de Portugal SA passou a gerir em regime de exclusividade o Posto dos CTT em Vila Nova de Cacela, onde com rigor, simpatia e assertividade prestou um serviço público essencial, fidelizando os clientes, e mais do que tudo, prestou uma especial atenção e carinho no dia-dia-dia da população mais envelhecida, mediante o pagamento das suas reformas”, afirma, agradecendo “a cordialidade de todos os clientes, e um especial agradecimento pela competência profissional da equipa CTT que durante os 13 anos de parceria contatou com esta empresa”.

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
Tamanho da Fonte
Contraste
%d bloggers like this: