Lagos aprova Conselho Municipal de Ambiente e Alterações Climáticas

Procurando alargar uma prática já instituída no âmbito dos órgãos consultivos de constituição obrigatória, como sejam o Conselho Municipal de Educação, o Conselho Local de Ação Social, o Conselho Municipal da Juventude, entre outros, a Câmara Municipal de Lagos irá criar um órgão consultivo para a área do ambiente e das alterações climáticas.

O objetivo é fomentar o envolvimento e a participação dos cidadãos, estabelecendo uma estrutura permanente de debate sobre temas relevantes no âmbito do desenvolvimento sustentável do município, tais como a necessária adaptação às alterações climáticas, a criação de um ambiente propício à saúde e bem-estar das pessoas e o desenvolvimento social e cultural das comunidades.

A operacionalização desta decisão carece da elaboração de um regulamento que determinará a composição e normas de funcionamento do novo órgão consultivo.

O município de Lagos dispõe, desde janeiro de 2019, de um Plano Municipal de adaptação às alterações climáticas de Lagos (PMAAC-L), instrumento que permite avaliar e reduzir as vulnerabilidades climáticas deste território, definindo uma estratégia e promovendo medidas de adaptação. O PMAAC-L está disponível para consulta aqui.

Deixe um comentário

- Publicidade-spot_img

+ Populares

- Publicidade -festa-da-espiga

Leia Também

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite o seu comentário!
Por favor, digite o seu nome

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Tem uma Dica?

Contamos consigo para investigar e noticiar

Tamanho da Fonte
Contraste