CULTURA

“Longa noite” vence Festival de Cinema e Literatura de Olhão

[mobileonly] [/mobileonly]

O filme “Longa noite”, do realizador Eloy Enriso, foi o vencedor da segunda edição do Festival Internacional de Cinema e Literatura de Olhão (FICLO), que terminou na terça-feira, segundo a organização.

De acordo com o júri, “Longa noite” destacou-se entre as obras a concurso, pela “profunda honestidade estética, um assumido posicionamento ético acerca da obscuridade do regime franquista, o facto de a fragilidade absoluta das personagens, das próprias imagens, se transformar, nele, em grito contra intemporais formas de domínio e injustiça sobre cada ser humano”.

O filme do realizador galego abriu a edição de 2019 do festival DocLisboa, e toma como material de base textos literários e ensaios que abordam as marcas deixadas pela Guerra Civil (1936-1939), na sociedade espanhola, e a “longa noite” franquista.

A segunda edição do FICLO esteve prevista para decorrer em março, mas foi adiada devido à pandemia da covid-19, realizando-se entre 15 e 21 de julho.

Apesar do adiamento forçado, o festival manteve o essencial da sua programação de filmes e atividades paralelas em espaços abertos, seguindo as recomendações das autoridades de saúde.

O Prémio Especial do Júri foi atribuído a “Campo”, de Tiago Hespanha, pela “grande e louvável liberdade estilística desta obra, assim como um trabalho visual e sonoro ao serviço do ambicioso projeto de construir um relato cosmogónico, que dá a saber como tratamos os outros – incluindo os animais”.

O júri do FICLO distinguiu a cineasta, recentemente falecida, Marion Hänsel, com a Menção de Tributo, justificando a atribuição do prémio “em agradecimento e memória da realizadora, (…) pela generosidade de, em ‘Il Etait un Petit Navire’, partilhar com o espetador a sua experiência pessoal de cinema e de vida como lugar de encontro”.

“Hänsel mantém-se fiel a um olhar, a um modo de narrar o mundo, a partir da vulnerabilidade de uma cama de hospital, a partir dos impossíveis equilíbrios da vida e do seu amor por todas as artes”, sustentou o júri citado num comunicado da organização.

O FICLO que tem por base a relação entre cinema e literatura, atribui dois mil euros ao vencedor dos nove filmes em competição.

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
Tamanho da Fonte
Contraste
%d bloggers like this: