Loulé: Prisão preventiva para suspeito de agredir a mulher com violência

No comunicado publicado no site da Procuradoria da Comarca de Faro é referido que os crimes ocorriam desde julho do ano passado, de “forma reiterada”, sendo que o detido agredia a vítima “com pontapés, murros, empurrões e puxões de cabelo”.

Segundo é ainda indicado na nota, a violência exercida sobre a mulher, que coabitava com o homem, no concelho de Loulé, fazia com que esta “fugisse de casa e fosse dormir na rua ou na garagem da casa”.

Durante as agressões, o detido dizia à vítima: “chama a guarda, não me importa ir para a prisão”, lê-se ainda, na nota.

- Publicidade-spot_img

Deixe um comentário

+ Populares

- Publicidade -castro-marim-santos
- Publicidade-spot_img

Leia Também

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite o seu comentário!
Por favor, digite o seu nome

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Tem uma Dica?

Contamos consigo para investigar e noticiar

Tamanho da Fonte
Contraste