Luís Gomes define estratégias prioritárias para a região do Mediterrâneo

.
.
.

O presidente da Câmara Municipal de Vila Real de Santo António, Luís Gomes, participa, esta semana, na definição da nova agenda de trabalhos da Comissão para o Desenvolvimento Sustentável do Território, um organismo da Assembleia Regional e Local Euro-Mediterrânica (Arlem).

As migrações e a crise do mediterrâneo fazem parte dos dossiês considerados prioritários para 2016, com o foco a incidir nos países do sul da Europa e nas recentes vagas migratórias, incentivando-se os países da União Europeia a receber e a prestar assistência aos refugiados.

Da mesma forma, Luís Gomes irá avaliar as alterações laborais operadas, nos últimos anos, nos países do mediterrâneo, e propor soluções para aumentar as oportunidades de emprego jovem, tendo em consideração as dificuldades no acesso ao mercado de trabalho e os desafios das crescentes pressões migratórias.

Estas metas fazem igualmente parte dos objetivos estratégicos da Arlem para 2016, onde a assembleia se compromete a manter o diálogo com os organismos locais e regionais para assim potenciar o crescimento económico e a cooperação transfronteiriça.

Para cumprir este propósito, a Arlem defende a descentralização e um processo de reforma da administração pública que permita ampliar o desenvolvimento regional e aceder mais facilmente aos programas de financiamento do Banco Europeu de Investimento.

A Arlem foi fundada em 2010 pelo Comité das Regiões da União Europeia e tem como missão promover o diálogo entre os representantes locais e regionais das políticas europeias e o mediterrâneo, aproximando as fronteiras da União Europeia e as autoridades dos países banhados pelo mediterrâneo.

Esta assembleia é composta por 80 membros e está equitativamente repartida por 15 representantes do Mediterrâneo (da qual fazem parte países como Marrocos, Tunísia e Argélia), pela União Europeia e por um conjunto de parceiros, associações e instituições corporativas.

.

.

.

.

Adiconar comentário

Carregue aqui para comentar

Comentar

>
Tamanho da Fonte
Contraste