Matança do porco motiva passeio pedestre na Cortelha

A aldeia da Cortelha, no interior do concelho de Loulé, volta a assistir à recriação da matança do porco que, por esta altura do ano, é tradição na serra do Caldeirão. No próximo dia 13 de janeiro, realiza-se mais um passeio pedestre temático na Cortelha, tendo como pano de fundo toda a envolvência associada a esta tradição secular.

“Na serra do Caldeirão vive-se por estes dias a tradição da matança do porco e da feitoria das saborosas chouriças. Depois de um ano a criar e a alimentar os seus porcos, chegou o frio e de forma a poderem extrair o sustento para mais um ano, os habitantes do interior do concelho de Loulé, cumprem em suas casas as habituais matanças de porco, que mais não são dias de muito trabalho, mas também de convívio entre familiares e amigos”, salienta a organização do evento, que está a cargo da Associação dos Amigos da Cortelha, com o apoio da Câmara de Loulé e da junta de freguesia de Salir.

A organização lembra ainda que esta tradição constituiu no passado “uma importantíssima forma de subsistência para as gentes do interior algarvio, proporcionando alimentos que podiam ser armazenados e consumidos durante o ano”.O O ritual da “matança” desenvolvia-se ao longo de vários dias e dele fazia parte um forte convívio social.

Assim sendo, os participantes neste passeio pedestre poderão assistir à recriação da matança do porco, com uma encenação das habituais tarefas que neste dia são desempenhadas pelos homens e mulheres.

O percurso vai atravessar as belas paisagens da serra do Caldeirão, numa extensão de aproximadamente 11 quilómetros, com a partida a ser dada pelas 9h30.

pub

 

 

 

pub

WP2FB Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
Tamanho da Fonte
Contraste