Ministra da Agricultura em Lagoa
Ministra da Agricultura em Lagoa
ECONOMIA

Ministra vem a Lagoa anunciar oito milhões para setor do vinho

A ministra da Agricultura esteve esta sexta-feira em Lagoa, onde anunciou  a abertura de um aviso, a partir de 31 de maio, no valor de oito milhões de euros, uma medida excecional de apoio ao setor do vinho, afetado pela pandemia da covid-19.

Em declarações à margem da visita ao concurso nacional “Cidades do Vinho – concurso de vinhos do Algarve”, na cidade de Lagoa, a ministra indicou que o procedimento que vai ser aberto em 31 de maio possibilitará que “todas as entidades consideradas elegíveis se possam candidatar”.

“Trata-se de uma medida de apoio temporário e excecional aos agricultores e às pequenas e médias empresas (PME), no continente em concreto, que são particularmente afetados pela pandemia e pela crise provocada pela covid-19,”, disse à agência Lusa Maria do Céu Antunes, em Lagoa,.

Maria do Céu Antunes prevê que se candidatem “cerca de 750 produtores, nomeadamente os que têm menos acesso aos mercados externos”, apontando que o apoio de oito milhões de euros, visa “minimizar os impactos provocados pelo encerramento do canal horeca, da restauração e a quebra que o turismo tem no setor dos vinhos”.

A ministra acrescentou que o Governo tenciona abrir durante o verão um aviso do Programa de Desenvolvimento Rural/PDR2020, “para aumentar a capacidade de armazenamento do vinho, com uma taxa de apoio a fundo perdido de 45% com um investimento elegível que pode ir até aos 200 mil euros”.

“Vamos fazer também este esforço, canalizando ainda aquilo que são fundos disponíveis para este efeito”, destacou.

O Governo perspetiva ainda a abertura de um terceiro aviso para o quarto trimestre do ano, “com a introdução, pela primeira vez, do setor do vinho nos setores considerados elegíveis para investimento, transformação e comercialização de produtos agrícolas, com uma taxa de financiamento a fundo perdido de 45% e com investimento elegível de um milhão de euros”.

Na deslocação ao concelho de Lagoa, a ministra da Agricultura esteve acompanhada pelo secretário de Estado da Agricultura e do Desenvolvimento Rural, os quais visitaram a única adega cooperativa existente na região algarvia.

PUB
Tamanho da Fonte
Contraste