Ministro reconhece ao JA que “portugueses têm receio de circular na EN 125”

.
Pedro Marques esteve em Lagos, na passada quinta-feira, para relançar a requalificação da estrada nacional 125

Em 2016, as autoridades reportaram 10.241 acidentes nas estradas algarvias, um número muito acima do registado nos últimos anos, que dá uma média superior a 28 sinistros por dia! No ano anterior foram 9.490 e há dois anos foram 8.338. Os dados da Autoridade Nacional de Segurança Rodoviária (ANSR) revelam ainda que no ano passado ocorreram 31 mortes e 158 feridos graves. Questionado pelo JA, o ministro Pedro Marques reconhece que “muitos portugueses têm medo” de circular na principal estrada algarvia. As obras na EN 125 deviam estar concluídas há cinco anos, mas só em 2018 estarão completamente concluídas até à fronteira

 

O ministro do Planeamento e das Infraestruturas, Pedro Marques, esteve em Lagos, na passada quinta-feira, para relançar a requalificação da estrada nacional 125, mas apenas entre Vila do Bispo e Olhão.

No final da cerimónia, o Jornal do Algarve não perdeu a oportunidade para interpelar o ministro, perguntando-lhe diretamente se “sente receio quando circula na EN 125?”.

Pedro Marques foi sincero: “Confesso que ainda não apanhei nenhum ‘susto’, mas sei que muitos portugueses já apanharam. Por isso é que é tempo de acabar com estas obras tão importantes”, respondeu…

(NOTÍCIA PUBLICADA NA ÍNTEGRA NA ÚLTIMA EDIÇÃO DO JA – DIA 19 DE JANEIRO)

Nuno Couto | Jornal do Algarve

Adiconar comentário

Carregue aqui para comentar

Comentar

>
Tamanho da Fonte
Contraste