Moncarapachense vence Belenenses no Restelo e sobe à Liga 3

Belenenses estava obrigado a correr atrás do prejuízo. O relógio ia andando e os nervos iam aumentando no Restelo. Hugo Martins procurava a todo o custo trazer sangue novo para a equipa e o Belenenses foi com tudo em busca do empate, enquanto o Moncarapachense se ia defendendo, baixando o rimo, e aproveitava o espaço nas costas da defesa de Belém.

O Moncarapachense bateu no domingo passado o Belenenses, no Restelo, por 0-1 e garantiu a subida à Liga 3, depois do Fontinhas – que bateu o Pêro Pinheiro por 2-1 -, na zona sul, e do Paredes e Lank Vilaverdense já o terem conseguido.

A final do Campeonato de Portugal será disputada entre Fontinhas e o Paredes, no Jamor. Era a última e derradeira jornada da fase de subida do Campeonato de Portugal e, na zona sul, «tudo» podia acontecer. Os açorianos do Fontinhas já tinham a subida garantida, mas procuravam garantir uma vaga na final da prova, ao receber o Pêro Pinheiro.

No Restelo, Belenenses e Moncarapachense lutavam pela vida e chegavam a esta jornada com os mesmos pontos, pelo que qualquer uma das duas podia subir. Habituado, em anos anteriores, a outras provas, o Estádio do Restelo contou com o forte apoio dos adeptos do Belenenses (mais de 2500 pessoas), que encheu praticamente toda a bancada para tentar ajudar a equipa de Belém a subir à Liga 3 e, quiçá, ir à finalíssima do Campeonato de Portugal, no Jamor. Os comandados de Hugo Martins, no entanto, tinham uma ligeira vantagem, uma vez que lhes bastava um empate para a subida. A jogar em casa, o Belenenses procurou assumir o controlo da posse de bola desde cedo e foi pressionando muito alto o Moncarapachense, que teve, assim, muitas dificuldades em sair a jogar e foi apostando na verticalidade dos seus extremos e no erro adversário. A turma de Belém trazia claramente mais dinamismo ofensivo, com Diogo David (Dida) a servir como pivot ofensivo, enquanto Rúben Araújo era o avançado mais móvel e o capitão Mauro Antunes era quem fazia a ligação entre miolo e ataque. O Belenenses foi sendo a melhor equipa e ainda conseguiu colocar João Azul, guarda-redes adversário, em sentido num par de ocasiões, mas faltou sempre um pouco mais de eficácia dentro da área e tudo estava empatado ao intervalo, sendo que, nos Açores, o Fontinhas ia vencendo o Pêro Pinheiro por 2-1. Na 2ª parte, o Moncarapachense procurou atrever-se um pouco mais e isso fez com que o Belenenses tivesse um pouco menos bola. Os adeptos da casa iam fazendo a festa – não parando desde o primeiro minuto -, mas foram os forasteiros quem festejaram primeiro. À passagem do minuto 64, o médio Nuno Silva deu o melhor seguimento a uma jogada estudada de livre direto e colocou o conjunto de Olhão na frente.

O Belenenses estava obrigado a correr atrás do prejuízo. O relógio ia andando e os nervos iam aumentando no Restelo. Hugo Martins procurava a todo o custo trazer sangue novo para a equipa e o Belenenses foi com tudo em busca do empate, enquanto o Moncarapachense se ia defendendo, baixando o rimo, e aproveitava o espaço nas costas da defesa de Belém.

O Belenenses tentou tudo para chegar ao empate, e os milhares de adeptos presentes tentaram ajudar à sua maneira, cantando e apoiando, mas o Moncarapachense conseguiu aguentar o 0-1 até ao final e garantiu a subida à Liga 3. Desta forma, Fontinhas, Moncarapachense, Paredes e Lank Vilaverdense garantiram a subida à Liga 3, enquanto o Belenenses passará mais uma temporada no Campeonato de Portugal. A final do Campeonato de Portugal, agendada para 5 de junho, no Estádio Nacional do Jamor, vai ser disputada entre o Fontinhas e o Paredes.

Entretanto, o Lusitano Futebol Clube de VRSA felicitou o Moncarapachense pela vitória e consequente subida de divisão, que segundo o clube deixa “uma marca histórica” no futebol algarvio.

- Publicidade-spot_img

Deixe um comentário

+ Populares

- Publicidade -castro-marim-santos
- Publicidade-spot_img

Leia Também

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite o seu comentário!
Por favor, digite o seu nome

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Tem uma Dica?

Contamos consigo para investigar e noticiar

Tamanho da Fonte
Contraste