Monchique convida para o Festival das Camélias a 15 e 16 de fevereiro

Monchique arranca para mais um Festival das Camélias, que terá lugar nos dias 15 e 16 de fevereiro, no Largo dos Chorões, anunciou o Município de Monchique.

O festival presta homenagem a um ícone patrimonial e cultural do concelho: a camélia.

No entender daquela autarquia, “sendo esta uma referência natural, faz todo o sentido que a temática deste festival seja centrada no ambiente e na sua preservação, um dos temas mais comentados da atualidade”.

Sendo assim, sublinha, toda a programação inerente ao festival transmite uma mensagem aliada à consciencialização, informação e discussão em torno do planeta. Com este mote, o Município de Monchique convida à visita e participação nesta edição do festival.

A programação do Festival inicia-se no dia 15, sábado, com a montagem da Exposição de Camélias pelos expositores, que se segue, pelas 11:00, a abertura ao público da mesma exposição.

Das 11:00 às 18:00 terá lugar a Exposição e Concurso “Camélias em flor – encanto e beleza natural”, o Mercado das Camélias, a Mostra de Artesanato, pela Associação Profissional de Artesãos e Artistas Plásticos de Monchique, a Mostra de Doçaria pela Pastelaria Doce Arte e a Exposição de Trabalhos pelo Agrupamento de Escolas de Monchique.

Também pelas 11:00, acontece o Festival ComVida…. Meire Gomes, com uma demonstração ao vivo do trabalho da artista.

Pelas 11:30, exibição do espetáculo “Uma gota no Oceano”, às 15:30 o espetáculo de rua “Alforria”, às 16:00 será a vez do espetáculo Multi-Disciplinar “No Avesso das Palavras” e pelas 16:40 decorrerá a cerimónia de entrega de prémios do concurso “Camélias em Flor – encanto e beleza natural”.

Às 17:30 haverá um concerto de jazz pelo Trio da Orquestra de Jazz do Algarve.

A 16 de fevereiro, domingo, o dia começa com Rota das Camélias, uma proposta para descobrir os encantos das camélias, com ponto de encontro às 09:30 no Largo dos Chorões.

Entre as 10:00 e as 18:00, Exposição e Concurso “Camélias em flor – encanto e beleza natural”, Mercado das Camélias, Mostra de Artesanato, pela Associação Profissional de Artesãos e Artistas Plásticos de Monchique, Mostra de Doçaria pela Pastelaria Doce, Arte e Exposição de Trabalhos. Repetirá também o Festival ComVida…. Meire Gomes, com demonstração ao vivo do trabalho da artista. Pelas 11:00, Atelier de Origami

Pelas 16:00, Performance “O2” e às 17:00 será a vez do concerto de encerramento, com o espetáculo “Viviane canta Piaf”, um concerto pleno de inspiração em que Viviane e sua banda

prestam homenagem a uma das maiores senhoras da canção francesa, Edith Piaf.

Temas como “La vie en rose“, “Padam Padam“, “Non rien de rien”, “Sous le ciel de Paris”, “Milord” ou “Mon Dieu” entre outros, fazem parte de um alinhamento marcado por histórias de amor e tragédia, um espetáculo repleto de emoção e de algumas surpresas, em que Viviane irá conduzir o público aos longínquos anos 40-50 num ambiente bem parisiense.

Durante todo o Festival haverá animação circulante. Todas as atividades têm participação gratuita

João Prudêncio

João Prudêncio

Adiconar comentário

Carregue aqui para comentar

Comentar

Tamanho da Fonte
Contraste