ALGARVE ÚLTIMAS

Monte Gordo: Novos apoios de praia começam a abrir no final de março

.

A Câmara Municipal de Vila Real de Santo António anunciou hoje que a obra de requalificação da Praia de Monte Gordo “avança a bom ritmo” e que a abertura dos primeiros apoios de praia deverá acontecer “no final do mês de março”.

Até ao verão, a nova frente de mar deverá contar com 18 novas estruturas, momento em que ficará concluída a segunda fase da obra, que conta com investimento público e privado próximo dos doze milhões de euros.

De acordo com Conceição Cabrita, presidente da Câmara Municipal de Vila Real de Santo António, “neste momento já se encontram em fase de construção 6 dos 18 novos apoios, pelo que o andamento do processo é francamente positivo e em breve teremos uma praia totalmente requalificada”.

Este processo segue-se à fase de demolição dos antigos bares e restaurantes, efetuada no passado mês de dezembro, que estão agora a ser substituídos por equipamentos constituídos por materiais uniformizados que ficarão ao mesmo nível do passadiço.

Simultaneamente, está a proceder-se à infraestruturação do passadiço com redes de abastecimento e drenagem, bem como a remodelação de algumas áreas de lazer adjacentes.

“O objetivo é termos a praia cem por cento funcional no arranque da próxima época balnear. Orgulho-me de poder dizer que esta é a maior operação de requalificação urbanística e ambiental jamais levada a cabo no nosso concelho”, afirma Conceição Cabrita.

O projeto de reabilitação da zona balnear, aprovado pela Agência Portuguesa do Ambiente (APA), contempla o licenciamento de 18 concessionários, sendo futuramente acessíveis quer através do corredor central, quer da marginal.

Desta forma, todos os empresários que detinham atividade na praia e possuíam a sua situação regularizada não necessitaram de submeter-se a concurso, pondo-se fim ao sistema de licenças precárias que vigorava até ao momento.

O passadiço da praia de Monte Gordo é, atualmente, o maior do género no Sotavento algarvio. Com uma extensão de 3 quilómetros, representa um investimento de um milhão de euros.

A intervenção global (passadiço, acessos e restaurantes) está avaliada em 12 milhões de euros e permitirá a conclusão de todas as estruturas e equipamentos associados.

Advertisements
Tamanho da Fonte
Contraste
%d bloggers like this: