Morreu apresentador que encomendava assassínios

O ex-deputado estadual brasileiro, Wallace Souza, acusado de dirigir uma organização criminosa e de encomendar assassínios para obter imagens mórbidas para o programa de televisão que apresentava, “Canal Livre “, na Rede Bandeirantes , morreu na terça-feira em São Paulo, notícia a EFE.

De acordo com a advogada da família, Denise Macedo, o ex-deputado estadual do Amazonas, de 51 anos, morreu na sequência de uma infeção causada pela ascite , doença também conhecida por “barriga d´água”, que se caracteriza pela acumulação de líquido no interior do abdómen.

Wallace Souza estava internado desde 18 de março, no Hospital Bandeirantes de São Paulo.

Advertisements

2Comentários

  • Em nota venho esclarecer o serguinte: A respeito do comentario feito por Sergios3t, no qual o mesmo se identifica como Paulo Sergio de Souza Liborio, creio que foi um equivoco ao digitar seu nome, pois eu ,Paulo Sergio de Souza Liborio, me certifiquei que não tenho omonimos. Sendo assim, peço que se desconsidere o referido comentario feito por esta pessoa, a qual usou indevidamente meu nome.
    Paulo Sergio de Souza Liborio (o próprio).

  • Não sei se ele era isso que falavam, mais agora , seja la o que ele fez ele acetara sua com Deus,por quer quem somos nos jogar alquem, todos nos temos pecados, não podemos sai e diser ele é cupado,pois quem sabe é Deus e Outra coisa ele não ta mais aqui pra se defender então Morreu wallace morreu o assunto, vamos deixar que ele descance em Paz!
    Paulo Sergio de Souza Liborio

Carregue aqui para comentar
Advertisements
Tamanho da Fonte
Contraste