ALGARVE

Nova rede de transportes do Algarve arranca a 1 de dezembro

Nova rede de transportes do Algarve arranca a 1 de dezembro
A partir de dia 1 de dezembro, a VIZUR, empresa subsidiária da EVA Transportes, vencedora do Concurso Público Internacional, vai começar a operar na rede “VAMUS – Transportes do Algarve”, dando início a uma nova fase do transporte rodoviário na região, anunciou a Comunidade Intermunicipal do Algarve (AMAL).

A implementação da rede VAMUS – Transportes do Algarve traz à região uma “oferta mais vasta, com novas linhas regulares, um novo serviço de transporte a pedido – em locais com mais de 40 habitantes sem paragem a 800 metros – e um novo Serviço Aerobus, que permitirá ligações diretas ou semidirectas entre alguns concelhos do Algarve e o Aeroporto de Faro”.

A lista de novidades inclui ainda uma nova imagem corporativa, a renovação da frota (com melhoria ao nível das emissões de gases de efeito de estufa e de acessibilidades), bilhética móvel, transporte gratuito de bicicletas em algumas linhas, Wi-Fi a bordo, entre outras.

Os utilizadores das carreiras interurbanas já podem consultar os horários e comprar os títulos online, podendo fazê-lo através do website https://vamusalgarve.pt ou do smartphone, bastando, para tal, a instalação da aplicação.

Também na área da mobilidade sustentável, ao nível da promoção da intermodalidade, está em estudo a criação de um passe único que vai permitir aos residentes e visitantes utilizarem os transportes públicos da região através de um único título de transporte. Esta é uma medida que, na visão da AMAL, poderá contribuir para a migração do transporte individual para o transporte público nas deslocações diárias no Algarve.

No âmbito das suas competências, a AMAL, enquanto Autoridade Intermunicipal de Transportes, estava obrigada a contratar o serviço público de transporte rodoviário de passageiros até 3 de dezembro de 2019, através da realização de um concurso público internacional para a seleção de um ou mais operadores privados para toda a região.

De forma a garantir a viabilidade do serviço a contratar, e dada a dimensão e o impacto direto na população, a preparação do concurso implicou necessariamente uma análise e preparação estratégicas da rede de transporte público rodoviário de passageiros, assim como um estudo técnico-financeiro que sustentasse a viabilidade do mesmo. Foi a primeira Comunidade Intermunicipal do país a avançar com esta medida.

O volume de negócios do concurso rondou os 85 milhões de euros para uma concessão de 5 anos. Neste âmbito, das 106 linhas base de transporte rodoviário regular de passageiros no Algarve, cabe à AMAL a gestão de 98 linhas, sendo o serviço executado pelo vencedor do concurso, a EVA Transportes, através da sua subsidiária VIZUR Transportes.

Os transportes urbanos de Lagos, Portimão, Albufeira, Loulé, Faro, Olhão e Tavira continuarão a ser geridos pelos respetivos municípios.

PUB
WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
Tamanho da Fonte
Contraste