Novas terapias contra o cancro desenvolvidas no Algarve

As investigações da Universidade do Algarve na área do cancro não páram de surpreender. Os trabalhos mais recentes dos investigadores têm conduzido a importantes descobertas científicas, que podem levar ao desenvolvimento de novos tratamentos contra diversos tipos de tumores. Algumas delas até mereciam ganhar um prémio Nobel…!

O último prémio Nobel da Medicina foi atribuído a dois cientistas pela descoberta de uma nova terapia para tratamento do cancro. Os dois investigadores, James P. Allison e Tasuku Honjo, foram distinguidos pela investigação sobre o papel do sistema imunitário no tratamento do cancro, descoberta que permitiu perceber que o sistema imunitário pode atacar células cancerígenas quando “destravado”. “Esta descoberta estabeleceu todo um novo princípio para tratar o cancro”, destacou a academia sueca que anualmente atribui estes galardões.

Esta investigação não é muito diferente daquela que se faz atualmente no Algarve, onde os trabalhos científicos nesta área também têm dado que falar a nível mundial, com os investigadores do Centro de Investigação em Biomedicina (CBMR) da Universidade do Algarve a contarem já com diversas publicações dos seus estudos em revistas internacionais conceituadas.

Os cientistas
da Universidade do Algarve estão na vanguarda da investigação do cancro, com diversos trabalhos publicados nas principais revistas científicas do mundo

O último trabalho a merecer destaque foi sobre uma proteína que ajuda a regular o desenvolvimento de diversos tipos de cancro. A investigação – dada a conhecer ao público no início de abril – foi mesmo a escolhida como capa da revista científica ‘Cancers’, uma das principais publicações internacionais na área da investigação em cancro…

Leia a notícia completa na edição em papel.

pub

 

 

 

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
Tamanho da Fonte
Contraste