POLÍTICA

PCP questiona Governo sobre expansão da alga verde na Ria Formosa

algas ria formosa
O Grupo Parlamentar do Partido Comunista Português (PCP) questionou o Governo esta semana acerca da expansão da alga verde na Ria Formosa, que domina os seus fundos marinhos, anunciou o partido.

Esta preocupação foi denunciada ao PCP durante uma reunião entre o grupo parlamentar e mariscadores e pescadores da Ria Formosa, que alertaram o partido acerca da “expansão da alga verde do género Caulerpa” que “tem vindo a expandir-se rapidamente na lagoa da Ria Formosa dominando completamente os seus fundos marinhos, com implicações severas em espécies de peixes juvenis de interesse comercial, bem como no desenvolvimento dos moluscos bivalves”.

Segundo o PCP, este problema já foi investigado, “tendo sido identificadas consequências muito negativas com a expansão desta alga verde na biodiversidade e nos habitats e berçários que o ecossistema da Ria Formosa oferece”.

Para o PCP, “a lagoa da Ria Formosa do Algarve é conhecida por possuir uma grande biodiversidade e servir de berçário e habitat para várias espécies de interesse comercial”, constituindo “um relevante papel na economia da região do Algarve, nomeadamente no que diz respeito à pesca e marisqueio”.

O partido quer saber se o Governo está a fazer monitorização deste problema, que efeitos pode causar na economia algarvia, que medidas vai tomar para conter a expansão desta espécie e a sua disponibilidade para resolver a situação.

PUB
Tamanho da Fonte
Contraste